Pesquisa para Administração Pública

Saiba mais sobre nossa pesquisa para administração pública

 

Levantamento feito pelo Instituto MAS Pesquisa de Mercado mostra que a pesquisa realizada em 2004 para apurar a intenção de voto a prefeito do município de Itapevi, região Oeste da Grande São Paulo, esteve aproximadamente no mesmo patamar que os levantamentos feitos pelo IBOPE, no mesmo período e com, basicamente, o mesmo número de entrevistados. A margem de erros dos dois institutos foi de 4% e 4,9%, respectivamente.

Na coleta de opiniões do MAS, a candidata pelo PSDB, Dalvani Caramez, teve 35,8% e a sua principal adversária, Maria Ruth Banholzer (PPS) teve 39,2% das intenções de votos. O IBOPE apurou que Dalvani teve 41% e Ruth 33%. Os levantamentos foram feitos nos dias 8 e 9 de setembro de 2004, com 416 pessoas (MAS) e 406 pessoas, respectivamente, por resposta estimulada, quando o pesquisador mostra as opções de candidatos ao eleitor.

Para o diretor de pesquisas do MAS, cientista político Marcos Agostinho Silva, a aproximação dos resultados atesta o potência de acertos do MAS, o que reflete exatamente a opinião pública sobre candidatos a cargos públicos.

Os resultados das eleições de 2004 levaram Ruth à vitória. Na comparação das urnas e as pesquisas realizadas pelo MAS o que se vê é consolidação das análises do instituto sobre o final da disputa eleitoral em Itapevi. Nos casos dos candidatos Fláudio Azevedo Limas (PT) e Carlos Fernando (PSC), os percentuais levantados foram iguais à expressão do eleitorado.

Segundo Marcos Agostinho, a análise mais direta sobre as duas pesquisas mostra que o MAS se manteve na margem de erro que é de 4% para mais ou para menos. Já o IBOPE, saiu consideravelmente da sua margem, que era de 4,9%, atingindo entre 15% e 18% (para menos) de diferença na avaliação dos resultados coletados nos casos de Dalvani e Ruth, respectivamente.

“Erros acontecem, mas neste caso específico, as diferenças dos resultados do IBOPE e os das urnas mostrou a precisão do trabalho de pesquisa científica realizado pelo MAS Pesquisa de Mercado”, disse Marcos Agostinho.